Sexta-feira, 27 de Fevereiro de 2009

Diferenças

Toda esta questão acaba por ser entendível. Entre representar Portugal na Cimeira Europeia e estar presente no congresso que marca o início da campanha eleitoral e da "arrancada" (expressão do Dr. Barroso) para a vitória, percebe-se que a opção de José Sócrates seja a segunda. Entre estar numa sala qualquer em Bruxelas e mostrar ao país quem manda, percebe-se a escolha de Sócrates.

 

Mas este é o preço que se paga pela qualidade da política e da grande maioria dos políticos no nosso país. A visão estritamente partidária do poder e todas as estratégias de manutenção desse mesmo poder são, obviamente, mais importantes que qualquer cimeira, seja ela europeia ou não.

 

As palavras de Ferreira Leite, são portanto também entendíveis e até compreendidas. Afinal todos sabemos que Ferreira Leite nunca estará perante a escolha entre encerrar um congresso do PSD que marque o rumo à vitoria numas legislativas ou participar numa cimeira europeia, como Primeira Ministra. Por nenhuma questão em particular, mas porque, assim, jamais será Primeira Ministra.

 

publicado por Sérgio de Azevedo às 10:05
link do post | comentar | favorito
|

.Autor

.pesquisar

 

.posts recentes

. Temporariamente aqui!

. Ausência II

. Ausência

. A hibernação chegou ao fi...

. Excitações

. Em nome da transparência

. Não resisto a perguntar

. Gripes, baixas, birras, a...

. Constatações

. Sinais

.arquivos

. Agosto 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

.tags

. todas as tags

.links

    follow me on Twitter
    botão amigos
    Twingly BlogRank

    .subscrever feeds